Saúde do simonense é prioridade na gestão atual

Podemos afirmar que a Prefeitura Municipal de São Simão, por meio do Departamento de Saúde, se preocupa com o bem-estar, qualidade de vida e saúde dos munícipes como um todo. Apenas durante o mês de janeiro foram realizados, em todas as unidades de saúde do município, 5.485 atendimentos.

Na Farmácia Central foram 4.271 atendimentos. E no transporte, para outros hospitais do estado de São Paulo foram 1.539 locomoções de pacientes e 966 dentro de São Simão.

Segundo a diretora de Saúde, Sonia Maria Antonio, as viagens e remoções são uma forma de proporcionar tratamento adequado aos pacientes, redução de falta em consultas, realizações de exames complementares em tempo adequado. “Assim garantimos a qualidade do serviço e satisfação dos pacientes e acompanhantes simonenses”, informa.

Em São Simão, para termos os níveis de atendimentos adequados a toda população são ofertadas consultas na atenção básica como forma de prevenir e monitoramento de forma primária de possíveis problemas crônicos. “O município atende também várias especialidades em que os pacientes encontravam dificuldades de acesso em hospitais de referência como oftalmologia, urologia, otorrinolaringologia, cardiologia, neurologia, psiquiatria, psiquiatria infantil, ortopedia e radiologia”, relata a diretora.

O município também conta com dois laboratórios prestadores de serviços ao SUS para realização de exames de rotina e urgência/emergência. “Para aqueles pacientes com necessidade de atendimento de média e alta complexidade são ofertados diariamente transporte sanitário”, explica a diretora.

Detalhamento

Transporte

No mês passado, apenas com o transporte médico para hospitais de Ribeirão Preto, Santa Rita do Passa Quatro, Barretos, Sertãozinho, Américo Brasiliense, São José do Rio Preto, São Paulo, São Sebastião do Paraíso e Serra Azul foram realizadas transporte de 1.539 pacientes. Dentro do município de São Simão, com destino a Santa Casa, foram transportados 966 pacientes.

Farmácia

Na Farmácia Central do município foram feitos 4.271 atendimentos entre medicamentos padronizados no município, medicamentos de alto custo fornecido pelo Hospital das Clínicas do estado de São Paulo e também as medicações assistidas com acompanhamento farmacoterapêutico durante todo o mês.

Atendimentos unidades de saúde

Apenas no mês de janeiro foram realizados diversos atendimentos em diferentes áreas médicas e odontológicas. Confira os números pelas unidades de saúde de São Simão:

Posto de Saúde Dr. Joaquim Graciano Madruga

Na unidade de saúde central, aconteceram no período do primeiro mês do ano 2.811 atendimentos. Entre eles, ação coletiva de aplicação tópica; avaliação antropométrica; coleta de materiais para exames; ultrassom de abdomen, aparelho urinário, obstétrica; ultrassonografia pélvica; eletrocardiograma; glicemia capilar; testes rápidos de doenças sexualmente transmissíveis; testes de gravidez; consultas de profissionais de nível; consultas básicas; consultas especiais; consultas de pré-natal; consulta puerperal; primeira consulta odontológica; administração de medicamentos; aferição de pressão arterial; cateterismo; cuidados com traqueostomia; retirada de pontos; moldagem dento-gengival; adaptação de prótese dentária; instalação de prótese dentária; curativos; remoção de cerúmen de conduto; exodontia de dente; próteses dentárias parciais e próteses dentárias totais.

Posto de Saúde José Alcides de Brito

Já na unidade de Bento Quirino entre atendimentos médicos e odontológicos foram 1.134 atendimentos distribuídos em ação coletiva de aplicação tópica; aplicação de cariostático; evidenciação de placa bacteriana; selamento provisório; avaliação antropométrica; radiografia periapical; eletrocardiograma; glicemia capilar; consultas básicas; consultas especiais; primeira consulta odontológica; administração de medicamentos; aferição de pressão arterial; retirada de pontos; capeamento pulpar; restaurações de dentes; curativos; pulpotomia dentária; cimentação de prótese dentária; exodontia de dente.

Posto de Saúde José Pontes Alves

Na Casa Rosada fora 679 atendimentos entre ação coletiva de aplicação tópica; avaliação antropométrica; eletrocardiograma; glicemia capilar; consultas básicas; consultas especiais; primeira consulta odontológica; administração de medicamentos; aferição de pressão arterial; inalação/ nebulização; retirada de pontos; capeamento pulpar; restaurações de dentes; curativos; exodontia de dente.

Saúde Mental

Foram realizadas 265 consultadas médicas em atenção especial e 177 terapias individuais totalizando 442 atendimentos.

Fisioterapia
Na unidade destinada ao atendimento de fisioterapia aconteceram 596 atendimentos fisioterapêutico.