• Prefeitura Municipal de São Simão

Filipe Volpi

Atualizado: 6 de jul.

Segue abaixo texto enviado pelo participante Filipe Volpi em que conta sua historia e traz para o 27º FESICA a música Tarde dos Ventos


Filipe Volpi

1) Meu nome é Filipe, tenho 24 anos e sou nascido e criado na cidade de Catanduva-SP. Desde pequeno sou apaixonado por arte no geral, mas principalmente por música. Morei 5 anos em Bauru, onde me formei em Rádio e Televisão pela UNESP. Atualmente moro em São Paulo.


2) Minha história na música começou quando eu tinha uns três anos. Sempre fui muito apaixonado por todas as formas de arte, mas os instrumentos musicais sempre foram as ferramentas que mais me despertaram interesse. Cheguei a fazer aulas de iniciação musical na escola e em conservatório, e eram as aulas que eu mais gostava. Quando eu tinha oito anos, meu avô, que também é músico, me ensinou a tocar meus primeiros acordes no violão e, daí, não parei mais. Do violão clássico fui pra guitarra e, da guitarra, caí no teclado e em outros instrumentos. Com 15 anos, por causa de um vídeo que eu tinha postado no Facebook tocando, me chamaram pra fazer parte de uma banda profissional, como guitarrista e tecladista. Minha primeira vez no palco profissionalmente só me deixou mais apaixonado ainda e com mais vontade de seguir carreira na música. Na faculdade, acabei sendo chamado pra outra banda, dessa vez pra ser vocalista. Com essas duas bandas, rodei muito o estado de SP, fazendo show em pubs, barzinhos, festas e eventos universitários. Hoje, sou músico, cantor, compositor e produtor musical em São Paulo. Atualmente tenho dois álbuns autorais lançados: Tarde Dos Ventos (2019) e Maturô (2021).


3) Segue anexo um vídeo que eu fiz pra divulgação do álbum Tarde Dos Ventos, falando um pouco sobre a composição da música que deu nome ao álbum.


4) Lembro de ter participado pela primeira vez de um festival em 2014 num evento chamado "Qual É O Seu Talento?", promovido pelo SESC e pela Prefeitura de Catanduva, onde ganhei um prêmio de "artista revelação". Também em Catanduva, participei do FESCC (Festival de Corais de Catanduva), promovido pelo Conservatório Santa Cecília, na época em que fui aluno. Esse ano, além do FESICA, estarei no Festival Forró da Lua Cheia, em Altinópolis, com a banda Prezado 5.0.


5) As expectativas sobre o FESICA são as melhores possíveis! Desde que descobri sobre a história desse festival, e como ele foi e é importante pra cultura da região, só consigo pensar na honra e no privilégio de poder fazer parte da volta dele. É uma "competição" onde quem mais ganha, com certeza, é a comunidade. Vai ser uma grande oportunidade de mostrar minha música e a paixão que eu tenho pelo meu trabalho.


Conforme texto enviado pelo Participante

 

Nos dias 07, 08 e 09 de julho de 2022, acontecerá na Praça da República em São Simão, o 27º FESICA – Festival Simonense da Canção, com entrada gratuita.

por Renata Robazza Mohap Digital Saiba mais acessando a página do Festival: www.saosimao.sp.gov.br/fesica-2022






5 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Bilora