• Prefeitura Municipal de São Simão

Coletivo Mulher

Carla Franco


Eu não sou uma qualquer

nem tampouco princesa

sou fúria sou brisa

vigor e leveza

hoje destemperada

amanhã sou perdão


Nem bela nem recatada

nem bruxa nem santa

sou da pá virada

sou uma, sou tantas

a pele da flor,

borboleta e vulcão


Diante do fogo eu não me amedronto

não quero confronto mas não peço arrego

se é pra ter luta eu não vim pra brincar


Quem hoje me vê chorando

tampouco suspeita

que no outro dia eu acordo refeita

nascida do vento

e da força de Oyá


Sou mulher

eu sou aldeia

sou corpo cortejo

sou concentração

sou teia


Sou terreiro

sou quilombo

sou bloco sou trupe

sou multidão

sou bando


Não, eu não sou fim de noite

sou a nova estrofe

e sei de cantigas que espantam a morte

sou a carne viva

a que veio pra amar


Quem ousa me decifrar

perde num labirinto

a resposta que tenta aclarar meu instinto

eu sou a pergunta

eu não vou me explicar


Diante do fogo eu não me amedronto

não quero confronto mas não peço arrego

se é pra ter luta eu não vim pra brincar


Quem hoje me vê chorando

tampouco suspeita

que no outro dia eu acordo refeita

nascida do vento

e da força de Oyá


Sou mulher

eu sou aldeia

sou corpo cortejo

sou concentração

sou teia


Sou terreiro

sou quilombo

sou bloco sou trupe

sou multidão

sou bando

 

Nos dias 07, 08 e 09 de julho de 2022, acontecerá na Praça da República em São Simão, o 27º FESICA – Festival Simonense da Canção, com entrada gratuita.

por Renata Robazza Mohap Digital Saiba mais acessando a página do Festival: www.saosimao.sp.gov.br/fesica-2022






2 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo